9 de abril de 2009

Floris of London



Floris of London


O fundador de Floris of London, Juan Famenias Floris, nativo da ilha de Menorca, mudou-se para Londres com o sonho de construir uma vida melhor.

Em 1730, Juan instalou-se na elegante Jermyn Street, em St.James. Começando como barbeiro, o jovem Floris contava com um grande atributo - o tempo de preparação e estudo em Montpellier, que era vista juntamente com Grasse, como a capital mundial da perfumaria.

Aproveitando os ensinamentos recebidos, Juan começou a preparar formulações e dedicar-se às fragrâncias, que começaram a fazer enorme sucesso. O que iniciou-se com uma pequena seleção, chegou a atingir o número de mais de cem tipos de fragrâncias comercializadas.

Bem-sucedido na profissão, Juan também conheceu a felicidade no amor, casando-se com a jovem Elizabeth Hodgkiss, e tendo sete filhos.

A primeira condecoração ocorreu em 1820, sendo concedida pelo rei George IV (1762-1830). Hoje o emblema desta primeira autorização real pode ser visto na loja do número 89, na Jermyn Street. A rua era o epicentro da classe e sofisticação da época, sendo endereço de diversas pessoas influentes, como o Duque de Marlborough, Sir Thomas Lawrence, entre outros.

Nos séculos XVIII e XIX, as personalidades mais badaladas da corte inglesa, bem como vários personagens de cortes européias eram clientes de Floris.

Os produtos da marca podem ser encontrados em variados pontos de venda. Os endereços da loja principal e de certos revendedores na Grã-Bretanha, Estados Unidos e Austrália podem ser verificados aqui. O local do laboratório passou de Sussex, nos anos 70, a Tiverton, em Devon, nos anos 90.

Floris of London, é sinônimo de qualidade, e algumas de suas fragrâncias primam pelo valor histórico, unindo beleza e tradição.


Ilustrações ~ ao alto - logo de Floris of London
~ à direita - Juan Famenias Floris
~ à esquerda - A loja da Jermyn Street, n° 89 (foto tirada em 1800)




2 comentários:

Perfumes Bighouse disse...

Hummmm Gaelle. Um passeio na história e acompanhado pelo aroma deliciosos dos cravos. Adoro cravos! . Minha imaginação já criou asas e "sentiu" o perfume. Bjocas flor.Elisabeth

Gaëlle disse...

Betty, se você gosta de cravos, com certeza irá deliciar-se com Malmaison. Fora toda a aura que a fragrância carrega em si...

Mil beijos, minha linda!

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin